frases de Prem Rawat

"Aquilo que você conhece da simplicidade, da beleza, da quietude, da confiança, não somente irá ajudá-lo a cada dia de sua existência, a cada momento de sua vida – mas inclusive no último momento desta vida".

conhecimento de Prem Rawat

O que é a água? É algo que não possui identidade. Não é quadrada e não é redonda. Pega a forma de qualquer coisa que a contenha. Não tem cor. Flui através do solo, às vezes pelas pedras – lugares inacreditáveis. Se você tentar descrever a água pela sua aparência física, não poderá fazer um bom trabalho, porque sempre vai soar insignificante. No entanto, seu poder é tão incrível que nada permanece em seu caminho – nem montanhas, nem rochas. Ao longo do tempo, a água vai esculpindo onde nós achávamos que jamais poderia ser esculpido. Entretanto ela tem ternura, gentileza, suavidade. É o sentimento mais suave, e pode destruir montanhas.
A falta de água já eliminou civilizações. No entanto a água tem um claro entendimento e senso de propósito. Vem do oceano, viaja através da terra, mas, sabe claramente seu destino. Sabe que tem um compromisso, um caso de amor com o oceano. Quando se funde com o oceano, sua identidade desaparece. Está despida de tudo o que era. Está em casa novamente.

meus carneirinhos

meus carneirinhos

terça-feira, 24 de março de 2009

preconceitos e comemorações

Hoje é 24 de março de 2.009, 3a feira, 19.51hs. Eu estou em casa, na sala, atualizando meu blog pra registrar sobre os preconceitos que todos nós, humanos, temos e mais precisamente pelo qual passei hoje com minha sobrinha Natália. Hoje é aniversário do meu pai. 73 anos. Mas ele não está nada bem de saúde, infelizmente. Faz tempo mas já percebi que qdo seus aniversários se aproximam ele dá uma piorada. Astrologicamente ele estava em seu inferno zodiacal, qdo acontece o maior distanciamento do sol sobre o ser. Liguei para parabenizá-lo mas acho que ele estava deprimido. Quem atendeu foi minha sobrinha pois ele mora na casa da minha irmã mais velha e começamos a conversar, até qdo ela começou a falar tudo que achava sobre a relação dos meus pais, das filhas do meu pai e minha com minha filha. Minha sobrinha tem a mesma idade que minha filha mais velha, 24 anos e já acha que sabe tudo sobre relacionamentos. Tem todas aquelas velhas opiniões formadas sobre tudo e julga tudo aos seus critérios. Só que eu não admito que ng, muito menos quem nem sequer conviveu comigo, venha derramar sobre mim seus preconceitinhos. Terminei o papo. Vou ligar depois pra minha irmã que chega tarde do trabalho pra me oferecer enqto irmã dela e filha dele no que for possível praticamente pq teoricamente somos tão distantes qto o sol dos seres no inferno zodiacal. Mas quis registrar, como tudo que acontece.
Só não vou deixar tb de comemorar que hoje faz 7 anos que moro aqui nessa casa. Pela 1a vez na vida só. Eu que morei com meus pais, com meus maridos e com meus amigos, sempre dividi as despesas e tarefas, comemoro hoje 7 anos de independência completa. E, além da minha própria independência, ainda carreguei a dependência das minhas filhas. Uma até o ano passado apenas e a outra ainda. Não sei como consegui e ainda consigo, não é fácil mas é verdadeiro. E é uma vitória. E, por isso, comemoro.
E tb não quero deixar de registrar e comemorar a chegada de uma amiga muito especial que faz anos que não vejo que chegou hoje ao Brasil após alguns anos de ausência e sábado vamos nos rever e aprontar muito!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Preconceitos, vitórias, alegrias... isso é a vida, em sua plenitude. Devo parafrasear o escritor: "Confesso que vivi"

2 comentários:

Hell disse...

Olá Guerreira
Parabéns pelas vitórias e por essa sua independência.
Bjs!

Ludmila disse...

Vc. é uma vencedora Selma, superou e sei que vai superar qualquer dificuldade, qualquer obstáculo. Nós mulheres somos realmente muito fortes mesmo, afff! Que bom, quero que minha filhinha seja como eu, mulher de brio, carater e força. Adolescentes? Faça como eles fazem com a gente, o que eles ouve entra por um ouvido e sai pelo outro, hehehe!